terça-feira, 22 de abril de 2014

169 municípios ganharão máquinas na Fenasoja

Boa Vista do Buricá, Nova Candelária e São José do Inhacorá estão 
na lista dos municípios que receberão CAMINHÃO-CAÇAMBA.

O maior investimento da história de um Governo Federal do Brasil na infraestrutura dos municípios gaúchos, o PAC II/Máquinas, que é operacionalizado pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), será uma atração a mais da 20ª edição da Fenasoja, em Santa Rosa. No Parque de Exposições onde a feira acontece, serão entregues 78 motoniveladoras e 91 caminhões-caçamba (também chamados de caminhão-basculante) para prefeitos de 169 municípios do Rio Grande do Sul. A maioria dos contemplados estão localizados nas regiões Fronteira Noroeste, Missões, Celeiro e Noroeste Colonial. Boa Vista do Buricá, Nova Candelária e São José do Inhacorá estão na lista dos municípios que receberão CAMINHÃO-CAÇAMBA.
 “Ao todo, este programa está trazendo para o Rio Grande do Sul, 1.365 máquinas, todas produzidas pela indústria brasileira. E o que é ainda melhor: grande parte foi produzida pelas indústrias do próprio Rio Grande do Sul”, explica o deputado federal Elvino Bohn Gass (PT).
O PAC II/Máquinas está destinando para os municípios gaúchos 1.365 máquinas pesadas que são fundamentais para a abertura e conservação de estradas, construção de pontes e outras obras de vulto. “Todos os municípios com menos de 50 mil habitantes estão recebendo do Governo Dilma um kit para obras pesadas com retroescavadeira, motoniveladora e caminhão-caçamba. Até o final do ano, os kits estarão completos em todos os municípios. São equipamentos caros que dificilmente podem ser comprados por estes municípios. Pois o nosso governo está garantindo tudo isso sem qualquer custo para as prefeituras”, detalha o deputado estadual Jeferson Fernandes (PT).

Ginásio São José está sendo reformado

Vanderlei Holz Lermen

A Paróquia São José de Boa Vista do Buricá está buscando fazer a manutenção necessária para o Ginásio São José. No ano de 2014 a prioridade é adequar o Ginásio, para dar continuidade a realização dos eventos no local.
Sobre os trabalhos de reforma, conversamos com o Padre Jaime Ludwig, responsável pela Paróquia.
JT - Como iniciaram os trabalhos de reforma do ginásio?
Pe. Jaime - Começamos fazendo a Reforma de duas Salas de Catequese em um espaço que estava inutilizado. As Salas de Catequese hoje estão adequadas e preparadas para ajudar no processo, na caminhada catequética de nossa Paróquia. Duas salas que oferecem aos catequizandos e aos catequistas um espaço privilegiado para o encontro e formação da doutrina cristã católica. Para dar uma cara bonita para o Ginásio São José estaremos realizando um concurso em breve entre os catequizandos: “Slogan criativo”.
JT - Foi realizada também a reforma do piso?
Pe. Jaime - Tendo concluído as salas de catequese, foi removido o parquet que estava danificado e apodrecendo. Ao visitar o local, vemos que os “tacos da quadra” estão soltos, os banheiros em péssimas condições de uso e os demais equipamentos danificados tornando difícil o uso da referida quadra. Após a remoção a empresa de prestígio pelo trabalho qualificado no ginásio de esporte de várias cidades da região, TECNIKA ENGENHARIA ESPECIALIZADA LTDA, de Santa Rosa, fez o trabalho no Ginásio São José. Ela forneceu a mão-de-obra, materiais e equipamentos para execução de piso polido e revestimento. Ela realizou a execução de polimento mecanizado, com equipamentos específicos; corte das juntas de dilatação; cura úmida com tamponamento do piso com lona plástica.
JT – O piso recebeu um revestimento especial. Fale um pouco sobre isso.
Pe. Jaime - A Pintura Epóxi é um revestimento de alto desempenho com acabamento 100% sólidos, sem solventes, com aspecto superficial brilhante, alta resistência à agentes químicos e à abrasão. Indicado para pisos em boas condições, com trânsito leve ou médio, como estacionamentos, áreas de produção, áreas de estocagem, áreas de circulação de pedestres, carrinhos e empilhadeiras.
JT – Quais as outras adequações que foram e estão sendo feitas?
Pe. Jaime - Foram realizadas adequações necessárias para a utilização do espaço para jogos oficiais (rampas de acesso para cadeirantes, etc). Em breve estaremos reformando a cozinha e os banheiros do Ginásio São José, que também encontram-se em precárias condições para uso da comunidade local.
JT - Qual o objetivo desse investimento?
Pe. Jaime - O objetivo deste investimento é oferecer infraestrutura necessária para que a comunidade possa desenvolver atividades esportivas (movimento Liga Da Família com os jogos no Domingo de manhã com crianças, campeonatos, voleibol, etc), festas da comunidade, de lazer, salas de catequese (formação humana e cristã) no período do dia e da noite. A prática de esportes beneficia grandiosamente as pessoas e toda a sociedade, pois: Reduz as chances de aparecimento de doenças; Contribui para a formação física; Ajuda na formação psíquica; Ajuda o praticante a descobrir os limites de seu corpo; Contribui para se relacionar com os limites dos outros; Melhora a flexibilidade do corpo; Ajuda no desenvolvimento e crescimento infantil; Garante uma melhora no condicionamento físico.
JT - O trabalho de reforma contou com a ajuda da comunidade?
Pe. Jaime - Esse trabalho de reforma do Ginásio São José só é possível pela generosidade da comunidade de Boa Vista do Buricá. Desde já agradecemos as doações em dinheiro, mão de obra e ajuda significativa de todas as famílias Boa
vistenses. Peço que continuemos sendo generosos, pois a reforma ainda não terminou. Agradeço também a todos os membros da diretoria da Paróquia São José pelo empenho neste trabalho árduo de pensar na reforma junto com o Padre. Que Deus continue iluminando, abençoando nossas famílias e a comunidade. Um abraço fraterno, Padre Jaime Ludwig, scj.

Palestra: A felicidade como fator de resultados

Cuide de Você, de seus colegas, amigos, familiares e também permita que cuidem de você! Nesta perspectiva, a Associação Comercial e Industrial de Boa Vista do Buricá, convida a todos os empresários e colaboradores para participarem deste evento alusivo ao dia do trabalhador.
Será no dia 30 de abril, com início as 19h30min, nas dependências da Câmara Municipal de Vereadores acontece a abordagem “A FELICIDADE COMO FATOR DE RESULTADOS”, com CECILIA SMANEOTO (Msc. em Desenvolvimento (CAPES-UNIJUI), administradora, professora e Coach). Será um diálogo simples, mas que tomará seus pensamentos sobre o que vens fazendo dos teus dias e da sua alegria de VIVER.
Para estar apto a participar devem trazer 1 kg de alimento não perecível ou colaborar com R$ 5,00 para posterior doação a uma instituição beneficente. Inscrições até o dia 22/04/2014, junto a ACI.

Acumulado pluviométrico chegou a 180 mm

Em Boa Vista do Buricá o acumulado de chuva entre sexta-feira e sábado chegou a 180 milímetros.
O nível dos rios subiu muito e a maioria transbordou. No trecho entre Humaitá e Boa Vista do Buricá, que já estava com problemas, ocorreram novos danos.
A ponte sobre o Lajeado Magro, na localidade de Duas Pontes, na divisa entre Humaitá e Nova Candelária, e que liga também à Crissiumal, ficou  interditada em virtude de danos sofridos.

Colunista Thiago D'Avila: Refeição noturna do Senhor

Impossível não se emocionar, ao relatar o maior ato de amor da história da humanidade, de Jesus se entregar e derramar seu sangue a fim de livrar a humanidade do pecado e da morte. Vamos retonar ao cenário deste grandioso acontecimento há quase dois mil anos atrás.
Os vigias em Jerusalém tinham visto a lua crescente. O Sinédrio soube disso e anunciou que o novo mês, nisã, tinha começado. Essa notícia se espalhou rapidamente por meio de sinais de fogo ou de mensageiros. Os apóstolos sabiam que a Páscoa estava perto. Eles devem ter pensado que Jesus ia querer chegar a Jerusalém antes da Páscoa.
Nessa ocasião, Jesus e seus apóstolos estavam na Pereia, do outro lado do rio Jordão, a caminho de Jerusalém. Essa era a última viagem de Jesus para lá. (Mateus 19:1; 20:17, 29; Marcos 10:1, 32, 46) Assim que os judeus sabiam quando era dia 1.° de nisã, eles esperavam mais 13 dias e então comemoravam a Páscoa depois do pôr do sol, em 14 de nisã.
Quando Jesus disse a seus apóstolos que arrumassem o local para a refeição pascoal, ele não pediu para decorar o lugar. É provável que ele quisesse apenas um local simples e limpo, com espaço suficiente para ele e seus apóstolos. (Marcos 14:12-16.) Os apóstolos também deviam preparar todas as coisas para a refeição, como pão sem fermento e vinho tinto. Depois da refeição pascoal, Jesus falou sobre o pão e o vinho, que seriam os emblemas usados para celebrar a sua morte.
Conforme 1 Coríntios 11:23-25: Jesus, na noite em que ia ser entregue, tomou um pão, e, depois de ter dado graças, partiu-o e disse: ‘Isto significa meu corpo em vosso benefício. Persisti em fazer isso em memória de mim.’
Ele fez o mesmo também com respeito ao copo.
Jesus tomou também um copo, e, tendo dado graças, deu-lhe, dizendo: “Bebei dele, todos vós;  pois isto significa meu ‘sangue do pacto’, que há de ser derramado em benefício de muitos, para o perdão de pecados. - Mateus 26:27, 28.
Com certeza este ato de amor à humanidade, não pode ser esquecido, muito menos deixar de ser celebrado, conforme o pedido de Jesus Cristo na noite de 14 de nisã, gratidão é o mínimo que devemos ter a este acontecimento.

Fonte: www.jw.org
Revista A Sentinela de 01/2013
Thiago D’avila

Administração Municipal assinou contrato com a empresa que irá construir a Escola de 12 salas

Na sexta-feira, 11 de abril, ocorreu no gabinete do Prefeito em Exercício Vilmar Horbach a assinatura do contrato com a empresa vencedora da licitação para a construção de uma escola de 12 salas em Boa Vista do Buricá.
A empresa vencedora da licitação foi a MTX Construções LTDA., da cidade de Palmitinho – RS. Na oportunidade a empresa foi representada por Tiago Luza.
As obras de construção da referida escola devem iniciar no dia 5 de maio de 2014.
Na oportunidade o Prefeito Vili destacou o importante apoio do Deputado Federal Luiz Carlos Busato e do Deputado Estadual Aloísio Classmann, ambos do PTB, para a concretização desta grande conquista para a área educacional de Boa Vista do Buricá.
Fonte: Assessoria de Imprensa

Produtores devem fazer a declaração anual do rebanho até 30 de abril

Vanderlei Holz Lermen

Todos os produtores rurais que tiverem animais em sua propriedade devem fazer a declaração anual do rebanho. No caso de bovinos e bubalinos, é necessária a lista com a quantidade exata de animais existentes, idade e sexo dos mesmos. Também devem fazer a declaração os produtores de caprinos, equinos, suínos e aves, integrados de empresas ou independentes. A declaração anual de rebanho é obrigatória uma vez a cada ano, é também a forma de ter um levantamento do perfil agropecuário no Estado.
O produtor que não fizer a declaração do rebanho, além de ficar com pendencia junto ao serviço oficial veterinário, está sujeito a multa. A declaração deve ser feita na Inspetoria Veterinária e Zootécnica. São necessários os documentos de CPF e RG do titular e a relação completa de todos os animais na propriedade. O produtor também pode atualizar o seus saldos de nascimentos, mortes e baixas de animais para consumo próprio. O prazo encerra no dia 30 de abril.
A Inspetoria Veterinária e Zootécnica está localizada na Rua Salzano Vieira da Cunha, 125.
Em Nova Candelária e São José do Inhacorá, os produtores podem se dirigir ao posto da Inspetoria, localizado junto à Secretaria Municipal da Agricultura.